ASSOCIAÇÃO DE PROTEÍNAS RECOMBINANTES DE Corynebacterium pseudotuberculosis NA COMPOSIÇÃO DE IMUNOENSAIOS E VACINAS PARA A LINFADENITE CASEOSA A presente invenção refere-se à utilização da associação das proteínas recombinantes antigêni

Nº DO PEDIDO: BR 10 2017 009371 9

A presente invenção refere-se à utilização da associação das proteínas recombinantes antigênicas rCP01850 ou rCP09720 à proteína rPLD, ambas do patógeno C. pseudotuberculosis, em um teste ELISA diagnóstico e em vacinas recombinantes de subunidade para linfadenite caseosa. Tal invenção objetiva sanar a problemática vinculada às reações adversas locais e sistêmicas presentes em vacinas comerciais disponíveis, e a incapacidade dos imuno ensaios disponíveis em discriminar o status sanitário real do animal, com relatos de reações cruzadas. Tais associações foram utilizadas para a formulação de vacinas recombinantes de subunidade para a LC com o adjuvante saponina, gerando taxas de proteção de até 50%, mas não estando limitadas a este valor. A rPLD, rCP01850 e rCP09720 também foram usadas isoladamente ou em associação para a composição de ensaios de ELISA diagnóstico sensíveis e específicos para a LC
www.000webhost.com