ESTERASE RECOMBINANTE rCP09720 DE Corynebacterium pseudotuberculosis PARA UTILIZAÇÃO COMO VACINA DE SUBUNIDADE CONTRA LINFADENITE CASEOSA

Nº DO PEDIDO: BR 10 2016 016754 0

As vacinas disponíveis comercialmente para a linfadenite caseosa (LC) ainda apresentam uma baixa eficácia e segurança, fazendo-se necessária a identificação de novas estratégias para imunoprofilaxia contra esta enfermidade, como as vacinas recombinantes de subunidade. A presente invenção descreve o processo de produção da proteína recombinante purificada rCP09720 e seu uso em uma vacina contra a linfadenite caseosa. Essa proteína, classificada como esterase (número de acesso NCBI: WP_013242814), é produzida a partir da clonagem parcial ou total do gene cp1002_RS09720 de Corynebacterium pseudotuberculosis em sistema de expressão heterólogo, e possui em sua estrutura uma cauda contendo uma sequência de 6 histidinas, com intuito de facilitar o processo de purificação. Reivindica-se ainda uma formulação vacinal composta pela associação da rCP09720 ao adjuvante saponina. Neste contexto, a proteína rCP09720 pode ser considerada como um potencial alvo para a produção de vacinas recombinantes, uma vez que obteve um percentual de 40% de proteção no experimento de desafio contra C. pseudotuberculosis e demonstrou valores bastante significativos quanto aos níveis de produção de anticorpos IgG Total, IgG1 e IgG2a anti-rCP09720
www.000webhost.com